Educar para a Autonomia e Responsabilidade

Por APEXA em

A autonomia e a responsabilidade são dois marcos importantes no desenvolvimento do ser humano adquiridos ao longo da vida e influenciados naturalmente pelas relações e contextos onde o indivíduo se insere.

Desde a infância, a autonomia e a responsabilidade devem ser estimuladas na criança através do desempenho de determinadas tarefas e atitudes mas sempre considerando aspectos como, a idade, o desenvolvimento físico, cognitivo e emocional, a supervisão parental, o reconhecimento e a comunicação afectiva.

A responsabilidade não deve ser imposta mas sim uma consequência natural da independência da criança fase aos desafios que enfrenta. Assim, o papel parental é decisivo na qualidade da autonomia da criança. Pais que superprotegem os filhos podem diminuir a competência dos mesmos para a autonomia, liberdade e responsabilidade sobre a sua vida. Por outro lado, pais negligentes ou ausentes podem proporcionar uma independência repleta de carências emocionais.

Neste sentido, a melhor forma de ajudar o seu filho a tornar-se autónomo e responsável é estabelecer uma relação segura e uma comunicação consciente com ele. Demonstre confiança quando lhe pede algo e deixe-o conduzir a tarefa sem tecer comentários ou críticas. Um dos maiores obstáculos na tomada de responsabilidade dos filhos está quando os pais não manifestam a paciência, confiança, respeito e o espaço que a criança/jovem precisa para se sentir responsável.

A empatia e o reconhecimento são atitudes parentais que promovem a responsabilidade e melhoram a relação entre pais-filhos.

Desenvolver a autonomia e responsabilidade na criança pode começar desde cedo, com pequenas atividades diárias ou semanais. O mais importante é que a criança se sinta envolvida enquanto executa as tarefas obtendo um impacto positivo no seu bem-estar e no bem-estar do outro.  

Uma criança/jovem que se sente capaz, que tenta resolver os seus problemas e se sente compreendido pelas suas figuras de referência terá uma melhor autoestima, dimensão fundamental na construção de uma personalidade forte e saudável.

Até breve,
Marisela Agra
Psicóloga Clínica